PESOS PESADOS.

Uma coisa estranha as provas de levantamento de peso. São atletas bombados, pesados, que bufam e gemem ao levantar mais de 200 quilos em arrancadas terríveis.

A diferença entre o vencedor e o segundo ficou em míseros 1 quilo. Quem dorme com um barulho desse.

O cara da prata vai ficar um mês ou mais pensando que por um quilinho não botou a dourada no peito.

Já o vencedor, vai dormir feliz por ser considerado o homem mais forte dos Jogos Olímpicos.

Estranho, mas eu vi, meninos, na TV, ao vivo os caras botando toda a força do mundo nessa prova muito louca.

O melhor de tudo é que para levantar 50 ou 60 quilos preciso pensar muito. Primeiro, nas minhas hérnias, segundo, nas minhas pernas e braços flácidos. No final, melhor ficar sentado no sofá admirando a força alheia.

Não é de todo mal, eu desafio esses caras todos a sentarem em um boteco comigo e ver quem derruba mais copos e fuma mais cigarrinhos. Duvido que algum deles consiga chegar perto dos recordes que bati sucessivamente desde quando comecei nesse esporte, ainda não olímpico, lá nos idos dos anos 60 do século passado.

Sou campeão, kkkkkkk.

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Curta nossa página no Facebook e acompanhe as crônicas mais recentes.

Crônicas Recentes.